Como Deus se revelou na minha vida

Publicado em 16/10/2018
DSC_0909

Antes de chegar à casa de acolhimento, não sabia quem era Deus, nunca tinha rezado pela minha mãe, não sabia sequer que as orações eram escutadas por Deus. Vim para este lugar devido aos problemas com os meus familiares e foi aqui que Deus se revelou na minha vida. Nunca me tinha imaginado numa casa de acolhimento. Sempre pensei que estes lugares fossem os piores, mas estava profundamente enganado. Fui acolhido na casa de acolhimento de São Tarcísio, no qual rezavam, celebravam a missa, estudavam, saíam para passear, etc.

Uma vez aqui, fiz a minha primeira comunhão, deram-me a conhecer quem era Deus e ofereceram-me uma bíblia na qual estava escrito quem era Deus. Foi aqui que a minha vida mudou, foi como se tivesse um sonho profundo que durou 9 anos e no fim despertei.

Além disso, eu pensei que as casas de acolhimento não permitissem que os familiares visitassem os seus filhos, por isso, chorei muito no início e queria vê-los. Depois descobri que eu podia recebê-los, mas não sabia em que dia viriam e andava sempre triste a chorar. Quando veio um familiar visitar-me pela primeira vez, fiquei com muita alegria, mas logo passou porque aconteceu uma coisa antes de vir visitar-me...

A minha mãe tinha saído de casa e eu e o meu irmão ficamos muito tristes, parecia que nos tinha abandonado.

Algum tempo depois estive com a minha família e até estive com a minha mãe, graças aos sacerdotes do Movimento.

Agora eles são a minha família e foi assim que Deus se revelou na minha vida.