Os Casais Missionários Servos dos Pobres do Terceiro Mundo que, com os seus filhos, deixaram o seu país decididos a abrir a sua própria família aos pobres, como uma pequena Igreja doméstica que se transforma em acolhimento e amor partilhado com os que sofrem.

Os esposos são responsáveis das seguintes obras (na Cidade dos Rapazes de Andahuaylillas):

Centro Educativo Benéfico masculino “Beatos Francisco e Jacinta Marto”, que recebe gratuitamente à volta de 200 meninos e rapazes pobres, que, devido à sua situação de pobreza extrema, foram considerados “insuficientemente preparados” pelas escolas públicas.

Oficinas ocupacionais onde os meninos e os rapazes pobres aprendem uma profissão, graças ao ensino de profissionais.

As esposas são responsáveis das seguintes obras:

Em Cuzco, o Centro Educativo Benéfico feminino “Santa Maria Goretti” e as oficinas profissionais dependentes do mesmo. Aqui recebem educação à volta de 350 meninas e raparigas pobres. A educação escolar é totalmente grátis, tal como todo o material escolar, alimentação e a respetiva assistência sanitária.

Além disso, visitam semanalmente uma povoação da Cordilheira, onde dão catequese e apoiam materialmente as famílias mais necessitadas.

Trabalham também em Lima e no México, na cidade de Guadalajara, e gerem na Hungria, em Budapeste, o Centro de acolhimento para os meninos ciganos provenientes dos vários bairros da capital húngara.

Contato e-mail:
Peru: familias.misioneras.cuzco@gmail.com
México: familias.misioneras.mexico@gmail.com
Hungria: msptm.budapest@gmail.com

This content is not empty !

This content is not empty !