Levar aos pobres as riquezas da Igreja, é o carisma dos MSP

Nascemos para, servindo os outros, aumentar a santidade da Igreja. O livro da “Imitação de Cristo” é a nossa regra de vida espiritual, e cada dia vamo-nos conformando com Cristo. Com efeito, a nossa condição de missionários, exige-nos uma profunda vida espiritual e, ao mesmo tempo, sermos “contemplativos na ação”, enviados a um compromisso radical com a missão ad gentes a partir duma evangelização humilde e silenciosa.

Chamamonos Servos em referencia direta ao Servo de Yahvé, e os nossos fundamentos de vida são: a Cruz, o silêncio, a humildade e, sobretudo, a obediência. Contemplando a Cristo, obediente ao Pai, queremos ser fiéis ao Magistério da Igreja até aos mais pequenos detalhes.

Sentimo-nos protegidos de modo especial pela Virgem, “Santa Maria Mãe dos Pobres”, a quem todos os membros professam uma terna e equilibrada devoção.

O livro da Imitação de Cristo, buril da nossa vida

A “Imitação de Cristo” é a nossa regra de vida espiritual, cinzel que cada dia nos vai conformando com Cristo

O Espírito Santo, eixo da nossa vida

Todos os días com o canto do “Veni Creator” e do “Veni Sancte Spiritus” invocamos a força do Espírito Santo, verdadeiro pilar da nossa vida missionária.

Profundo amor à Sagrada Eucaristia

Cada dia nas nossas casas temos 1 hora de “Adoração Eucarística” desejando que Ele faça de nós pão repartido para os pobres.

Amar os pobres, como Igreja

Se aos pobres damos só uma ajuda material, torná-los-emos cada vez mais pobres, pelo que devemos oferecer-lhes todas as riquezas da Igreja.

Propósito firme de conversão contínua

Estamos conscientes da nossa pequenez e fragilidade, daí que pratiquemos a contínua “Revisão de Vida”

Em busca da salvação eterna para os pobres

"O Movimento dos Missionários Servos dos Pobres expandir-se-á e deitará raízes profundas se permanecer em Deus e procurar a salvação eterna dos pobres."

Para serem verdadeiros irmãos dos pobres -dizia o Papa Paulo VI- os missionários têm que ser verdadeiros imitadores de Jesus Cristo, daí que o P.  Giovanni tenha colocado olivro da Imitação de Cristo como regra espiritual dos MSP.

O nosso lema: expressão fiel do nosso carisma

  • O missionário lavando os pés

    Mostra a nossa disposição para entregar a própria vida ao serviço dos pobres (a exemplo de Jesus no lava pés).

  • A Cruz vazia

    O nosso compromiso de proseguir a missão de Cristo, expressa-se na cruz vazia, sabendo que cada um dos missionários deverá ocupar o seu lugar na cruz.

  • O fogo

    A confiança no Espírito Santo, está representada pelas labaredas; também o sentido Eucarístico das nossas vidas, fica plasmado pela presença deste mesmofogo.

Renuncia a ti mesmo, toma a tua cruz e segue-Me